Delegado relata agressão ao presidente do Americano na final da Copa Rio

Após dois dias da final da Copa Rio, a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) divulgou a súmula completa da partida entre Americano e Boavista, em Cardoso Moreira, que terminou com o título da equipe de Saquarema. Segundo o delegado Luiz de Oliveira Nery Filho, torcedores alvinegros agrediram o presidente do clube Carlos Abreu.

Ainda segundo o que escreveu o delegado, a torcida que estava em nervos pela perda do título, arremessou bombas malvinas de fora para dentro do Estádio Ferreirão. Carlos Abreu não foi a única vítima. Luciano Viana, diretor de futebol do Glorioso, foi insultado, assim como toda a diretoria alvinegra.

O ônibus do clube também foi quebrado por esses indivíduos que ainda tentaram pular a divisória para agredir a comitiva do Boavista, sendo prontamente contidos pelo policiamente presente. Como caso mais grave, o presidente Carlos Abreu foi à delegacia ao final da premiação para registrar B.O contra um torcedor que foi detido.

Os atos podem render punições ao Americano, já que esteve como mandante no duelo. Já que só entra em campo na próxima temporada, penas desportivas poderão ser cumpridas só na Série B1 de 2018. Além dessa competição, o Alvinegro tem a Série D do Campeonato Brasileiro por disputar.

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Likes