Em segundo tempo de quatro gols, Americano e Audax empatam no Aryzão

Um segundo tempo de bolas na rede, expulsão e gol no último minuto. Assim foi o empate eletrizante por 2 a 2 entre Americano e Audax Rio, na tarde deste domingo (18), no Aryzão, em Campos dos Goytacazes. Jairo Paraíba e Rafinha colocaram os mandantes na frente, mas Vagner Eugênio e Patric Salvador igualaram a contagem.

Com a sétima rodada da Taça Santos Dumont – primeiro turno da Série B1 do Campeonato Carioca – encerrada, o Audax fica na segunda colocação do Grupo B, com 14 pontos. O Americano, por sua vez, ocupa o terceiro posto, também com 14, mas levando a pior no saldo de gols. O surpreendente Barcelona lidera a chave com 15 pontos ganhos.

Audax é melhor, mas não abre placar

Uma etapa inicial movimentada no Aryzão e de jogo franco. Foi o que se viu neste domingo quando a bola rolou. O primeiro bom momento foi do Americano, em finalização de Jairo Paráiba que acertou a trave após cobrança de escanteio. A partir daí o Audax se organizou e passou a lervar mais perigo.

O principal lance dos visitantes na primeira metade do confronto veio com Henrique, em cobrança de falta onde soltou o canhão. Patrick fez defesa espetacular. Antes do intervalo o Audax ainda colocou o arqueiro alvinegro para trabalhar por mais duas vezes, mas o camisa 1 manteve o empate sem gols no marcador.

Jogo louco no segundo tempo é definido no último lance

Na volta do intervalo o Americano mudou a postura e alterou também a configuração do jogo. A entrada de Wander na vaga de Daniel Marins reorganizou o Glorioso, que partiu para a pressão. A premiação veio com 10 minutos, quando Wander cruzou na medida para Jairo Paraíba marcar de cabeça: 1 a 0.

O Americano seguiu martelando o Audax, que nem de longe lembrava o bom time do primeiro tempo. Um pênalti polêmico, que gerou muita reclamação dos visitantes, acabou aumentando a vantagem do Glorioso. Rafinha se apresentou para a cobrança e converteu com categoria, deixando o Cano ainda mais perto da vitória.

Pouco tempo depois, o Americano ficou com um a menos. Abuda recebeu o segundo amarelo e foi expulso. E na sequência, Vagner Eugênio, de cabeça, descontou para o Audax. Foi a chave para deixar o duelo ainda mais quente. O Laranja Meritiense passou a pressionar de todas as formas em busca do gol, enquanto o Glorioso se defendia.

No último lance da partida, aos 49 minutos da etapa complementar, veio o empate que jogou um balde de água fria nos torcedores do Americano. Após bate e rebate, Patric Salvador tocou por último na bola e anotou o 2 a 2. Logo em seguida o jogo teve fim. Sobrou reclamação por parte dos jogadores do Alvinegro, inconformados com a atuação da arbitragem.

Na próxima quarta-feira (21) ambos os times voltam a campo. O Americano visita o lanterna Queimados, no Joaquim Flores, em Nilópolis, às 15h. No mesmo horário o Audax Rio vai encarar o Barcelona, em mais um confronto direto pelo G-2, em Moça Bonita.

FutRio

 

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Likes