Enfermeira é morta a tiros em tentativa de assalto na frente do marido no Rio

Uma enfermeira foi morta a tiros na noite desse sábado (7), na Rodovia Presidente Dutra, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Ângela Cunha saía do trabalho no Hospital Getúlio Vargas no momento em que foi baleada na frente do marido, durante uma tentativa de assalto. A vítima morreu no local, e o homem não chegou a ser atingido.

Os criminosos fugiram em uma moto. A vítima havia saído de um plantão de 12 horas na unidade e estava retornando para casa, mas foi surpreendida pelos bandidos que até o momento não foram encontrados. Segundo a Polícia Militar, amigos informaram que a moça não reagiu ao assalto.

A Delegacia de Homicídios (DH) da capital investiga o crime. Por meio de rede sociais, amigos de Ângela lamentaram a morte da enfermeira. “”Dai tu para e pensa, tu assume um plantão de 12 hrs , num hospital público, onde em um estado falido você não recebe em dia, se dê por feliz se vc recebe, trabalha sem as mínimas condições, falta material, falta remédio, falta tudo. Maaaaaas mesmo assim saímos da nossa casa, assumimos plantão, damos o nosso melhor, sem saber quem é quem, sem entrar no debate se é bandido ou polícia, se é de bem ou não, estamos ali inteiramente pra salvar vidas! Salvar quem muitas vezes nos fazem de refém, salvar quem nos assalta, salvar quem tira nossas próprias vidas…”, desabafou um internauta.

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Likes