Após ser presa em Brasília, servidora de Campos bolsonarista está de volta à cidade

Após ser presa em Brasília, servidora de Campos bolsonarista está de volta à cidade

A servidora pública de Campos, Erika Viana, está de volta a Campos. Erika, que ganhou notoriedade por participar dos protestos contra o Supremo Tribunal Federal, desembarcou no Aeroporto Bartolomeu Lisandro nesta quarta-feira (11). Ela estava em Brasília desde o dia 22 de maio do ano passado. Em junho ela foi presa, fez uso da tornozeleira eletrônica e, depois, fora solta, mas sem poder sair do Distrito Federal. 

Em vídeos publicados nas redes sociais, Erika disse que vai ter que se apresentar à justiça federal em Campos e que já está pronta para novos desafios e atribulações. "Pessoal, vocês não fazem ideia do quanto senti falta de deitar nesse sofá. Lar, doce lar. Depois de mais de sete meses, de volta a minha terrinha querida, de volta a minha planície goitacá", disse. 

Erika passou um dia presa na Polícia Federal de Brasília, oito dias presa na penitenciaria feminina da mesma cidade e, desde o dia 24 de junho, detida em prisão domiciliar. Neste período, segundo Erika, precisou morar de favor na casa de desconhecidos até conseguir um imóvel para alugar, onde gastava praticamente todo o salário de servidora municipal. 

pro