Agente penitenciário é morto pela mulher em condomínio de Campos

Agente penitenciário é morto pela mulher em condomínio de Campos

O agente penitenciário Misael Almeida Carvalho, de 44 anos, foi morto a tiros no início da madrugada desta segunda-feira (24) pela  própria esposa, Fernanda Rangel Magalhães, de 37 anos, no Condomínio Terra Nova, em Campos.

De acordo com a Polícia Militar, no momento em que a mulher matou o marido, os três filhos do casal estavam em casa, dois adolescentes e uma criança. Após a prisão, já na Delegacia de Guarus, Fernanda contou em depoimento que o marido havia apontado a arma para ela, que conseguiu desarmá-lo e o matou com um tiro no peito.

Ainda segundo a polícia, inicialmente, a suspeita é de que ela tenha dado três tiros. Dois teriam acertado o fogão.

Vizinhos ouviram o barulho dos tiros e socorreram Misael para o Hospital Ferreira Machado, que não resistiu e morreu ao dar entrada na unidade de saúde. Fernanda, que já tinha passagens pela polícia por tráfico, invasão e ameaça, foi presa em flagrante.