Goytacaz perde por 2 a 0 em casa e vê classificação se distanciar

Goytacaz perde por 2 a 0 em casa e vê classificação se distanciar
Goytacaz e Friburguense abriram as semifinais gerais da Série B1 do Campenato Carioca, no Aryzão, em Campos, e o time da Região Serrana levou a melhor. Com gols de Diego Ibraim e Toshiya, o Tricolor da Serra venceu por 2 a 0, abrindo boa vantagem para o duelo da volta, no Eduardo Guinle.
As equipe voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (02), às 15h, no Estádio Eduardo Guinle, em Nova Friburgo, no duelo que vai carimbar o acesso à Série A do Campeonato Carioca.
Frizão aproveita bola parada e sai na frente na semifinal
A partida no Aryzão começou dando sono. Goytacaz e Friburguense sofriam com o péssimo estado do gramado e não assustaram os goleiros Adilson e Afonso nos primeiros 32 minutos. A primeira boa chance foi somente aos 33, quando Jorge Luiz cobrou falta, Gilberto raspou de cabeça contra o patrimônio e deu um susto em Adilson.
A única forma que o Frizão achou de assustar foi com bola parada e, além do susto, foi para a rede. Aos 36, Jorge Luiz sofreu falta na entrada da área. Diego Ibraim foi para a cobrança e, com muito categoria, acertou a gaveta de Adilson, que só olhou e nada pôde fazer; 1 a 0 para os visitantes. O Goytacaz respondeu com Jairo Paraíba, que arriscou de longe, mas Afonso fez a defesa segura.
O Goytacaz voltou mais ligado para a segunda etapa. Logo no primeiro minuto, Alexsandro chegou a botar a bola na rede, mas o árbitro assinalou falta do camisa 11 do Goyta, anulando o tento. No minuto de número dois, o Joelzinho arriscou de longe e Afonso fez boa defesa no centro do gol, evitando o empate.
Aos 16, após um balaço de longe, Afonso espalmou para dentro da área, precisou dividir com o ataque do Goyta e a bola sobrou para Paulinho. O lateral encheu o pé e acertou o travessão do Friburguense, quase empatando a partida no Aryzão.

Quando a partida parecia caminhar para o 1 a 0, mesmo após a pressão do Goytacaz, o Frizão ampliou. Jorge Luiz roubou bola de Flamel na intermediária, arrastou pela esquerda, fugiu da falta e achou o Toshiya. O japonês entrou pelo meio, dominou, ajeitou e bateu. Adilson chegou a tocar na bola, mas ela foi morrer no fundo do gol, fazendo 2 a 0 para os visitantes.

Aos 48, Flamel botou bola na área, Piauí testou em direção ao gol e Afonso fez milagre. Na sobra, Alexsandro cruzou, Piauí escorou para o gol, mas Julio Cesar, de forma impressionante, salvou em cima da linha, mantendo o 2 a 0 no placar.