Familiares denunciam outra criança internada no Hospital Ferreira Machado à espera de transferência

Familiares do pequeno Daniel da Silva Barreto Gomes, de apenas 5 meses de vida, estão revoltados com o que entendem como descaso do Hospital Ferreira Machado. Recentemente, o bebê foi diagnosticado com câncer de 11 centímetros no fígado e precisou ser internado na unidade de saúde. Segundo o pai da criança, Paulo César da Silva Barreto, o filho precisa ser transferido para outra unidade hospitalar que ofereça o tratamento que ele necessita urgentemente, mas até agora a transferência do menino está só na promessa. “Meu filho já está internado há quase duas semanas. Ao longo destes dias, a direção do hospital disse que ele seria levado para o Hospital São José do Avaí, em Itaperuna, mas até agora nada de concreto foi feito e não nos dão uma posição”, denunciou o pai do menino.

E este não foi o primeiro problema de transferência que familiares de crianças com cancêr internadas no Ferreira Machado encontram. Na última sexta-feira (3), o jornal Notícia Urbana mostrou que a família do pequeno Iader Coutinho dos Santos, de 6 anos, também se esbarrou em um jogo de empurra dos hospistais que dispõem do tratamento especializado. Naquela ocasião, a prefeitura de Campos informou que tem acompanhado o caso e já solicitou à Regulação Estadual uma vaga para UTI pediátrica em Itaperuna para que a transferência seja feita, porém aguarda uma estabilização do quadro clínico do paciente.

No caso do Daniel, familiares disseram que pretendem recorrer à justiça, caso nada seja feito logo. “Quando nos passam alguma informação, os médicos do Hospital Ferreira Machado alegam não ter vaga no Hospital São José do Avaí. A gente sabe que lá tem o tratamento necessário. Mas aquela não é a única unidade de saúde do país. Será que vamos ter que ir à justiça para tentar resolver este problema? Por que não transferem o Daniel para outro hospital?”, questiona Paulo César.

A equipe de reportagem do jornal Notícia Urbana entrou em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura de Campos para saber o motivo de Daniel ainda não ter sido transferido para o HSJA ou para outra unidade. Em nota, o órgão informou que o HFM já cumpriu todos os trâmites necessários para a transferência e está aguardando que o Hospital São José do Avaí informe sobre a liberação da vaga.

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Likes