Banco do Brasil doa mais de 50 câmeras para reforçar segurança em Campos

Banco do Brasil doa mais de 50 câmeras para reforçar segurança em Campos

O prefeito Rafael Diniz recebeu nesta quinta-feira (16), na sede da Prefeitura de Campos, representantes do Banco do Brasil (BB) que oficializaram a doação de 51 câmeras de vigilância ao município. Os equipamentos vão reforçar o Projeto Campos+Segura, vinculado ao Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) e administrado pela Secretaria Municipal de Segurança Pública. O Cisp foi inaugurado pelo prefeito em março de 2019 e já utiliza cerca de 100 câmeras.   

O “Termo de Doação de Bens Móveis” foi apresentado pelo gerente geral da Agência Centro, Nelio Fabiano Azevedo, representando a Superintendência Regional, e pelo gerente de Relacionamento, Eduardo Mendonça, e assinado pelo prefeito.

“É com muita satisfação que recebemos essas câmeras, que vão ampliar bastante o nosso sistema de vigilância. É elogiável essa postura da instituição Banco do Brasil, demonstrando sua preocupação com o aspecto social da segurança pública. Estejam certos que as câmeras terão excelente proveito”,  destacou Rafael Diniz.

A doação teve intermediação do subprocurador do município Ralph Oliveira, que acompanhou o prefeito durante a assinatura. Pelo termo, o município assume a “responsabilidade pela utilização, guarda e manutenção, bem como “a destinação e descarte final ambientalmente corretos”.

“Este é um trabalho que o Banco do Brasil já realiza rotineiramente em todo o país e temos sempre como preferência a doação ao poder público municipal. E é sempre um grande prazer podermos colaborar para aumentar as condições de segurança nessas cidades”, ressalta Nelio Fabiano.

O secretário de Segurança Pública, Darcileu Amaral, também avalia como “extremamente positiva” a doação. “Hoje não se pode pensar em segurança sem tecnologia, por isso é muito importante essa doação, porque as câmeras vão ampliar muito nossa capacidade de vigilância, que já é muito boa em toda a área urbana, com a utilização de cerca de cem já instaladas”, finaliza Amaral.