Agência de Turismo faz pacotes para vacinação de campistas nos EUA

Agência de Turismo faz pacotes para vacinação de campistas nos EUA

Com a falta de doses da vacina contra a Covid-19 no Brasil e após o prefeito de Nova York, Estados Unidos (EUA), Bill de Blasio, anunciar que a cidade irá aplicar gratuitamente o imunizante nos turistas estrangeiros, a Bighi Turismo, agência de viagens localizada em Cabo Frio, já começou a fazer pacotes turísticos que incluam a possibilidade da vacinação. Apesar da grande procura, não há garantia de imunização.

Os pacotes custam em média R$20 mil por pessoa. Como nos EUA não aceitam turistas vindos diretamente do Brasil, o roteiro também inclui 15 dias de hospedagem no México ou na Costa Rica.

“Durante o período de quarentena, o turista não precisa ficar isolado no quarto de hotel. Ele pode aproveitar pra conhecer as praias, a boa gastronomia e a cultura do local” – explica Vivian Santos, consultora de viagem, ressaltando que campstas também estão procurando por pacotes. 

Após este período, o roteiro segue para Nova York, onde foram instaladas vans na Times Square e em outros pontos turísticos, para aplicação da vacina desenvolvida pela Janssen, braço farmacêutico da Johnson & Johnson, que é de dose única.

“Para entrada no país, também é necessário a apresentação do teste de Covid-19 com PCR negativo, feito 72 horas antes da viagem, e ter o visto válido, já que o Consulado Brasileiro está fechado” – fala a agente de viagens da Bighi Turismo, Gabriela Torres.

Com apenas 32 anos de idade e nenhuma doença pré-existente, Everson de Oliveira ainda não tem perspectiva para ser vacinado no Brasil. Para garantir a imunização para ele e a família, o jovem planeja ir para os Estado Unidos em agosto.

“Já estamos fechando um pacote para cumprirmos a quarentena em Cancún, no México, e em seguida, irmos para Nova York. Será uma forma de fazermos um passeio em família e aproveitarmos a oportunidade de nos vacinar o quanto antes” – diz Everson.