Paraesporte de Campos: Seleção Brasileira de futebol representada por equipe campista vai disputar ouro em Abu Dhabi

A equipe de futebol da Seleção Brasileira nos Jogos Mundiais das Olimpíadas Especiais, formada por atletas do Projeto Paraesporte da Prefeitura de Campos, garantiu neste domingo (17) vaga na grande final. Após vencerem a Indonésia por 4 a 1, eles agora vão disputar a medalha de ouro, na próxima terça-feira (19), contra a seleção da Lituânia. Até o último sábado (16), os brasileiros disputariam o bronze, mas como a classificação é por saldo de gols, o quadro geral mudou.

O Paraesporte — o maior projeto público esportivo do país voltado para pessoas com deficiência — foi criado em 2017, pela Prefeitura de Campos, através da Fundação Municipal de Esportes (FME), e inicialmente atendia a 100 pessoas com deficiência. Hoje, são cerca de 900 atendidos através de várias atividades esportivas na sede da FME e nos Centros Escola dos Esportes (CEDEs). Do município, integram a Seleção Brasileira nos Jogos Mundiais 12 atletas de futebol e vôlei de praia, além da comissão técnica. A viagem está sendo custeada pela Olimpíadas Especiais Brasil (OEB).

Os gols da Seleção Brasileira foram marcados por João Guilherme, Bráulio, Ralph e Dudu. Segundo o técnico Thiago Siqueira, a equipe marcou com pressão, deixando os adversários sem chance de ataque. “O retorno do goleiro Luan Chuquer ao time também deu mais segurança à equipe, que estava bem focada na vitória”, disse. O primeiro jogo,na competição,foi contra a França e terminou em 3 a 3. O segundo jogo foi contra a Lituânia e os brasileiros perderam por 2 a 0.

Para o presidente da Fundação Municipal de Esportes (FME) e Embaixador das Olimpíadas Especiais Brasil, Raphael Thuin, “é muito gratificante ver os sonhos desses meninos serem realizados. Isso é fruto de um trabalho de cerca de dois anos. Foram muitas conquistas até eles conseguirem a vaga para representar Campos dos Goytacazes, o estado do Rio e o Brasil em Abu Dhabi. Que esse seja o início de muitas vitórias, não só no esporte, mas também na política de inclusão social defendida e apoiada pelo prefeito Rafael Diniz”, concluiu Thuin.

A equipe brasileira que desde o início dos Jogos Mundiais já vinha recebendo o apoio, na vitória deste domingo contou com grande torcida, que vibrou a cada lance e gols. “No final, nossos meninos estavam dando autógrafos e fazendo fotos e selfies com torcedores”, acrescentou Thuin.

Os Jogos Mundiais das Olimpíadas Especiais em Abu Dhabi reúnem 7 mil atletas de mais de 170 países em 24 modalidades esportivas, de estilo olímpico, sancionadas oficialmente e que são apoiadas por mais de 20 mil voluntários. A competição nos Emirados Árabes começou no último dia 14 e segue até 21 de março.

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Likes