Cachorro baleado em Campos não resiste e morre em clínica veterinária

Cachorro baleado em Campos não resiste e morre em clínica veterinária

O cachorro vira-lata, que havia sido baleado na madrugada desta segunda-feira (4), morreu apesar de ter sido levado por moradores do bairro a uma clínica veterinária particular no Jardim Carioca. Ele foi atendido por profissionais que fez que constataram que a bala estava alojada na coluna.

De acordo com o veterinário que atendeu o cão, Saulo Quina, o animal chegou em estado crítico e não resistiu ao ferimento, morrendo na madrugada.

Moradores contaram disseram que o crime foi praticado por bandidos que passaram em um carro atirando.