Em Campos, festas para até cem pessoas são permitidas, mas sessões na Câmara para 25 vereadores são proibidas

Em Campos, festas para até cem pessoas são permitidas, mas sessões na Câmara para 25 vereadores são proibidas

O presidente da Câmara de Campos, vereador Fábio Ribeiro, voltou a determinar que as sessões presenciais na Câmara sejam suspensas. As novas orientações foram publicadas no Diário Oficial desta segunda-feira (7).

De acordo com o D.O, tendo em vista o cenário epidemiológico atual e a necessidade de novas medidas preventivas para evitar a propagação da pandemia do novo coronavírus, ficam suspensas as reuniões das comissões temáticas por prazo indeterminado. Todos os prazos regimentais também foram suspensos. As sessões ordinárias e extraordinárias poderão ser realizadas na modalidade virtual/remota, a critério da Mesa Diretora.

Com a atualização das medidas, somente os setores essenciais da Câmara Municipal funcionarão em jornada reduzida, de 8h às 14h, ficando os servidores do Poder Legislativo autorizados a realizar home office. 

As audiências públicas previamente agendadas serão realizadas presencialmente, no Plenário da Casa, sem a presença de público. Já as sessões solenes também foram suspensas.

Os funcionários com idade igual ou superior a 60 anos ou portadores de alguma patologia de risco, estão dispensados de suas atividades até ulterior deliberação da Mesa Diretora.

Nas redes sociais, a medida gerou críticas, já que na o prefeito Wladimir Garotinho, no último decreto relacionado as fases de combate ao coronavírus, permitiu festas para até cem pessoas.