Republicanos faz denúncia e obriga Prefeitura de Campos e Governo do Estado a providenciarem mais leitos para covid-19

Republicanos faz denúncia e obriga Prefeitura de Campos e Governo do Estado a providenciarem mais leitos para covid-19

Após o presidente regional do partido Republicanos, Anderson de Matos, gravar um vídeo, denunciando a falta de UTIs para pacientes com Covid-19, em Campos (veja aqui), a justiça determinou que a Prefeitura e o Governo do Estado ampliem a oferta, na rede pública ou contratualizada, para 457 leitos clínicos e 129 leitos de UTI exclusivos para Covid-19.

No caso da prefeitura, se a decisão não for no cumprida no prazo de 10 dias, o município de Campos, nas pessoas do prefeito Rafael Diniz (Cidadania) e sua secretária de Saúde, Cintia Ferrini, estarão sujeitos a multa diária de R$ 10 mil, além da responsabilização pessoal.

"É um absurdo uma cidade com mais de 500 mil habitantes como Campos dos Goytacazes ter apenas 19 leitos de UTI para tratar pacientes com Covid-19. O Republicanos fez a sua parte, denunciando o descaso. Parabéns às autoridades da justiça pela decisão tomada", disse Anderson de Matos, presidente Regional do Republicanos.

Pela decisão, a prefeitura fica obrigada ainda:

-apresentar o cronograma para a disponibilização de Hospital de Campanha, como previsto em seu plano de contingência,

- indicar quais leitos livres ociosos e desativados de hospitais de sua rede própria e conveniada e da rede privada local podem ser requisitados para abrigar os pacientes de Covid-19, indicando ainda o cronograma de como será feita tal requisição/utilização, conforme indicado no seu plano de contingência.