Sindicato e vereadores fazem cobrança sobre rombo da gestão Rosinha

Sindicato e vereadores fazem cobrança sobre rombo da gestão Rosinha

Vereadores e Sindicato dos Servidores de Campos se uniram nesta segunda-feira para criar um movimento cobrando a judicialização, por parte da Prefeitura de Campos, de um rombo milionário ocorrido no último ano da gestão Rosinha Garotinho, quando mais de R$ 300 milhões da PreviCampos foram aplicados sem critério algum, no apagar das luzes.

Segundo Elaine Leão, presidente do Sindicato, se o prefeito não se manifestar, servidores podem nunca mais ver o dinheiro que ajuda a garantir a aposentadoria. “Existe um prazo e estamos pedindo ajuda para não perder esse recurso”.

Ao lado de Elaine Leão estavam os vereadores: Helinho Nahim, Rogério Matoso, pastor Anderson, Igor Pereira e Bruno Vianna.

Para Helinho Nahim, os erros do passado precisam ser apurados. “É absurdo que a Prefeitura fique de braços cruzados. São R$ 300 milhões! Judicialização, já!”.