Wladimir Garotinho sinaliza que não deverá concorrer eleição para Prefeitura de Campos

Wladimir Garotinho sinaliza que não deverá concorrer eleição para Prefeitura de Campos

O deputado federal Wladimir Garotinho usou sua conta no twitter para sinalizar que não deverá vir como candidato a prefeito de Campos nas eleições municipais em novembro. Na rede social, Wladimir escreveu: "Não é hora de projetos isolados, tão pouco de sonhos individuais", escreveu. O texto intrigou dezenas de internautas, já que Wladimir seria apontado como o favorito dos pais para disputar as eleições neste ano. 

Apesar do forte aceno, há quem pense que as mensagens subiliminares é apenas uma "cortina de fumaça" para testar a popularidade do político. Em caso de o deputado, de fato, não concorrer, alguns nomes figuram como os prováveis do casal Garotinho: Fábio Ribeiro seria um deles. 

No mesmo texto, Wladimir disse que nenhuma decisão será tomada antes de esgotar as possibilidades do que chamou de "união por Campos". Até o momento, os principais nomes confirmados como pré-candidatos são o do atual prefeito, Rafael Diniz, do jornalista e apresentador, Tadeu Tô Contigo, e do jovem Caio Vianna, filho do ex-prefeito de Campos, Arnaldo Vianna. 

Independente de quem entre no páreo, é necessário que ele tenha ciência das perdas mensais que Campos vem tendo nas receitas dos royalties de petróleo, tendo, em 2020, a pior receita dos últimos 20 anos.