Sem acordo no “pacto da saúde”, Prefeitura de Campos suspende pagamento de substituições e gratificações dos médicos

A Prefeitura de Campos suspendeu o pagamento dos 50% referentes a substituições e 50% de  dos médicos de Campos. Para os demais profissionais de nível superior da área da Saúde que têm direito a este pagamento, a Prefeitura informou que está mantido para esta sexta-feira (16). “O valor correspondente aos médicos está reservado para quando houver o cumprimento do Pacto pela Saúde”.

O prefeito Rafael Diniz e representantes do Sindicato dos Médicos de Campos (Simec) e do Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj) assinaram um pacto pela saúde do município nesta terça-feira (13). Na reunião, que teve a sua primeira parte na segunda-feira (12), o prefeito expôs o atual momento da cidade, que sofre com a drástica redução das receitas oriundas dos royalties do petróleo e das participações especiais.

De acordo com José Roberto Crespo, presidente do Sindicato dos Médicos de Campos, os médicos querem voltar a trabalhar, mas com a garantia de melhores condições de trabalho, para que tenham como exercer um atendimento de qualidade à população.

0 Comments

Leave a Comment

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Don't have account. Register

Lost Password

Register

Likes